Pequenos Rituais

Ir em baixo

Pequenos Rituais

Mensagem  leojaco25 em Sex Jan 27, 2012 9:18 pm


Os Pequenos Rituais são os rituais que os Garou incorporam à vida cotidiana. Quase todos os Garou conhecem e usam pelo menos alguns Pequenos Rituais.
Existe uma variedade praticamente infinita de Pequenos Rituais disponíveis aos Garou. Os rituais abaixo são apenas uma pequena amostra. Muitos Garou desenvolvem seus próprios Pequenos Rituais exclusivos para ajudar a reafirmar sua conexão com Gaia, com seu totem espiritual ou com seus semelhantes.
Sistema: Os jogadores podem comprar Pequenos Rituais ao custo de metade do Nível de Antecedentes normal (dois para um). De forma semelhante, os Pequenos Rituais podem ser aprendidos na metade do tempo necessário para aprender outros rituais. Os Pequenos Rituais demoram apenas de dois a cinco minutos para serem realizados, tempo bem menor que o exigido por outros rituais. Os Garou que desempenhem regularmente um Pequeno Ritual encontram muito mais facilidade em alcançar certos objetivos. O Narrador deve requerer ocasionalmente aos jogadores que interpretem a invocação desses rituais, de modo a enfatizar que um personagem os está executando regularmente.

Ritmos Ósseos
Este ritual é executado em homenagem ao totem espiritual do Garou. Cada espírito está associado a um ritmo diferente.
Para seu totem, o Garou reproduz esse ritmo com batutas de tambor especiais. Essas batutas são feitas tradicionalmente de osso, mas podem ser fabricadas a partir de qualquer material.
Sistema: Qualquer Garou que desempenhe este ritual três vezes ao dia, durante pelo menos três dias consecutivos, obtém um dado adicional para usar em qualquer teste realizado nos Reinos espirituais. Depois que este dado tiver sido usado, o Garou precisa recompor as energias durante mais três dias antes de reaver o dado extra.

Hálito de Gaia
Durante este ritual o Garou respira profundamente o hálito de Gaia (ar) 13 vezes. Enquanto respira assim, o Garou limpa de sua mente todas as coisas, exceto seu amor por Gaia.
Sistema: O Garou precisa executar este ritual pelo menos uma vez por dia durante um ciclo inteiro da lua. Fazer isso possibilita ao Garou abaixar em dois o nível de dificuldade de qualquer um que esteja testando detecção ou cura.

Saudação da Lua
Este ritual consiste em entoar um exuberante hino de louvor para Luna. Durante este ritual, o Garou uiva uma saudação elaborada para a lua. Esta saudação varia de acordo com a fase da lua.
Sistema: Executar este ritual toda noite ao nascer da lua durante uma fase inteira da lua permite ao Garou somar um dado a todas as suas interações sociais com os Garou do augúrio dessa fase na próxima vez que a lua atingir a fase em questão.

Saudação do Sol
Este ritual é uma cerimônia muito comum entre os Gurahl (os homens-ursos). Certos Filhos de Gaia e alguns Uktena e Wendigo praticam este ritual. Ele é semelhante à Saudação da Lua, mas é realizado ao nascer do sol.
Sistema: O Garou precisa entoar louvores a Hélios durante nove dias consecutivos. Se isso for feito, Hélios concede ao seu devoto um dado adicional quando ele estiver tentando sentir criaturas da Wyrm ou máculas da Wyrm, desde que o Garou continue entoando diariamente os cânticos.
Se o Garou deixar de entoar os louvores um único dia, ele precisará começar o rito novamente para obter seus benefícios.

Oração da Caçada
Este ritual comum assume muitas formas, mas sempre envolve parar antes do início de uma caçada para louvar Gaia e todas suas criaturas.
Além disso, o Garou precisa escolher algum objeto para conter suas orações. Esse objeto pode ser qualquer coisa, desde um velho cinto a um dente, mas o Garou precisa tê-lo consigo durante a caça. Se ele perder o objeto, precisará escolher outro e começar novamente suas orações.
Sistema: Se um Garou realizar este ritual antes de cada caçada durante três mudanças de lua, ele receberá um dado adicional para todos os testes de rastreamento enquanto continuar orando antes de caçar. Se ela vier a empreender uma só caçada sem rezar, terá de renovar suas orações por mais três meses antes de receber novamente o bônus.

Oração pela Presa
Uma forma específica de Ritual de Contrição. Imediatamente após matar, o Garou percorre atalho para a Umbra e agradece ao espírito da presa, porque, sem o sacrifício dela, não poderia sobreviver. A execução deste ritual é um sinal de respeito para com Gaia, seus filhos e a própria vida.
Sistema: Um Garou precisa desempenhar este ritual para cada animal de Gaia ( menos as crias da Wyrm) que ele matar durante uma fase inteira da lua. Se isto for feito, as dificuldades do Garou ao lidar com espíritos da natureza serão reduzidas em um ponto. O bônus dura até que o Garou mate sem dedicar algum tempo para agradecer ao espírito da criatura.

_________________
Jaco - Andarilhos do Asfalto - Lasombra



By leojaco25 at 2012-02-03
Moderador do Fórum.


Narrativa:
Fala - Pensamento - Off - Detalhamento
avatar
leojaco25

Mensagens : 217
Data de inscrição : 13/10/2010
Idade : 43

Ficha do personagem
Nome Personagem:
Clã:
Seita:

http://patas-de-urso.vampire-legend.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum